sexta-feira , 25 agosto 2017
Home >> Aplicativos >> OneDrive: Microsoft acaba com espaço ilimitado e diminui plano gratuito

OneDrive: Microsoft acaba com espaço ilimitado e diminui plano gratuito

A Microsoft anunciou nesta terça-feira (3) uma mudança que prejudica os usuários do OneDrive. O serviço deixará de oferecer armazenamento ilimitado, antes disponível para assinantes do Microsoft Office 365, e passará a limitar a quantidade de espaço para usuários gratuitos. As medidas passam a valer a partir de janeiro de 2016 e se estendem para novos e antigos usuários da plataforma.

O cancelamento do plano de armazenamento ilimitado começou por um motivo curioso. De acordo com a Microsoft, um pequeno número de usuários abusou da liberdade para guardar no OneDrive grandes coleções de filmes e séries, além de backups completos de vários PCs diferentes. O comunicado da companhia menciona, inclusive, que em alguns casos há contas com mais de 75 TB de dados armazenados.

OneDrive deixará de oferecer espaço ilimitado para assinantes e colocará limites mais baixos para usuários gratuitos (Foto: Melissa Cruz/TechTudo)
OneDrive deixará de ter espaço ilimitado e colocará limites mais baixos

“Em vez de focar em cenários de backup, queremos manter o foco na produtividade e na colaboração com experiências que beneficiam a maioria dos usuários do OneDrive”, afirmou a Microsoft.

Os assinantes do OneDrive deixarão de ter espaço infinito e terão de se contentar com um limite de 1 TB, independente do plano e do tempo que possui a conta no serviço.

Cortes no OneDrive gratuito

Quem usa o modelo gratuito serviço da Microsoft para guardar arquivos na nuvem precisa ficar atento porque os limites também serão reduzidos.

Antes, cada conta grátis dava direito a 15 GB. Agora, o limite para usuários que não pagam mensalidade caiu para 5 GB. O mesmo vale para quem tem acesso ao bônus de 15 GB extras garantidos na compra de algum celular comWindows.

Vou perder meus arquivos?

A Microsoft afirma que as medidas passam a valer no começo de 2016, mas que usuários que, por acaso, possuam dados que superem o limite de 5 GB em suas contas gratuitas terão até 12 meses para copiar esses arquivos. O mesmo vale para quem é assinante e terá de se enquadrar no limite de 1 TB.

Passada a data limite, a Microsoft vai estipular uma taxa a ser paga para que o usuário possa ter acesso ao volume de dados que estourar os novos limites do OneDrive.

Via OneDrive e The Next Web

About AkiTech

Criador e Gerador de Conteúdo do Site KassioInFo e Agora do AkiTech. Analista de Suporte e Entusiasta de Tecnologia e Telecomunicação.

Check Also

Conheça o Ataribox, novo console da Atari

A Atari finalmente revelou um pouco mais sobre o Ataribox, console que seu CEO, Fred Chesnais, …